Chá de Bebê

No último domingo (14/02), tivemos a alegria de comemorar a chegada de Bianca, que está mais perto que nunca! Reuni as mulheres da família e algumas amigas num almoço simples, mas feito com muito carinho e dedicação. Abaixo, vocês podem conferir cada detalhe da decoração, do cardápio, das brincadeiras e até dos custos. Ao final do post, conto se valeu ou não a pena realizar a festinha.

Decoração:

Com tempo livre em casa, dois meses antes, eu mesma comecei a cuidar das peças usadas na decoração: fiz as borboletinhas, enrolei garrafas de vidro com barbante rosa, aproveitei as flores artificiais que tinha em casa (eu havia comprado no AliExpress há muito tempo), improvisei as bases coloridas que ficaram sobre a mesa (caixas de papelão cobertas com cartolina), fiz os convites e toda a papelaria personalizada. Um dia antes, meus pais e irmãs se reuniram para montar a decoração no local da festa. Vale dizer que minha mãe já tinha em casa todas as toalhas de mesa e uma cortina de voil, que a gente sempre usa nas festas. =)

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Cardápio:

Enquanto o almoço não era servido, deixamos uma porção de amendoim japonês em cada mesa e servimos dindins de coco, chocolate, biscoito e morango (veja como fazer aqui) para amenizar o calor, afinal de contas, o sol do meio-dia não perdoa, né?

No almoço, servimos arroz, creme de frango e salpicão. Um cardápio simples, prático e que agrada praticamente todo mundo. Deixei garfo e faca sobre as mesas, enrolados num guardanapo e decorados com um lacinho. De sobremesa teve bolo de chocolate com recheio crocante, brigadeiro de copo e chocolates.

Chá de Bebê

Detalhe: Para inspirar o clima de primavera que criamos na decoração, coloquei sobre cada mesa um trechinho da música "Minha filha, minha flor", do cantor PG. Ouçam! É linda demais. =)

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Brincadeiras:

Depois que todas as convidadas almoçaram, minha tia trouxe uma breve reflexão sobre a missão de ser mãe e de orar pelos seus filhos, baseado na vida de Ana (da Bíblia), a mãe do profeta Samuel. Ela era estéril e clamava a Deus por um filho. O Senhor atendeu seu pedido e ela o consagrou a Ele. Uma linda história (leia em I Samuel 1.1-28). Em seguida, as brincadeiras começaram...

A disputa foi entre mim e Leandro. Primeiro, tivemos que provar e adivinhar o sabor de 3 papinhas de bebês (gente, que coisa ruim!). Depois, cada um escolheu uma representante para brincar de "imagem e ação". A gente ouvia as palavras (sempre relacionadas a bebês) e desenhava ou fazia mímica para nossas representantes adivinharem. Mas nem tudo foi tão fácil assim... Também escolhemos duas representantes (cada) para brincar de mamãe e bebê. De olhos vendados, a "mamãe" tinha que dar papinha para o "bebê". Quem comesse mais papinha ganhava a prova. Eca! Fiquei com dó delas. Como mimo de agradecimento, as participantes de todas as brincadeiras ganharam um batom. Por último, Leandro teve que "trocar a fraldinha de Bia" de olhos vendados, enquanto eu o guiava. Foi muito engraçado!

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Chá de Bebê

Valeu a pena?

Não sei se outras mamães se perguntaram isso, mas foi a primeira coisa que pensei: "será que vale a pena fazer chá de fraldas?". É que com tantos gastos de uma só vez (consultas médicas, exames, suplementos vitamínicos, quartinho de bebê, enxoval, lembrancinhas de maternidade e mais um monte de coisas), tudo o que a gente não quer é gastar ainda mais. Por mais que a festinha seja um momento divertido e marcante, principalmente para a mamãe, eu não poderia me dar ao luxo de realizá-la se não compensasse financeiramente também. Então tudo foi pensado na ponta do lápis.

Como fizemos?

- Em primeiro lugar, não alugamos nenhum salão. Utilizamos a garagem da casa dos meus pais, que coube apertadinho 10 mesas com 4 lugares cada. Por falta de espaço, convidei apenas mulheres.

- Dispensamos o tradicional bolo de pasta americana. Dá pra fazer uma decoração muito mais detalhista e caprichada com pasta americana, mas isso elevaria bastante os custos. Optamos por um bolo coberto de glacê, feito pela vizinha dos meus sogros, que tem mãos de fada e cobra um valor super em conta.

- O cardápio foi básico. Nada que custasse muito caro. Aliás, achei os comes e bebes de um almoço mais econômicos do que de um chá convencional, mas pesquisamos muito os preços na hora de comprar os ingredientes. Contei com a ajuda de muita gente no preparo dos alimentos. Minha avó fez o arroz, minha cunhada o salpicão, minha mãe os chocolates, minha amiga Ju fez os brigadeiros e Leandro preparou o creme de frango.

- Recebemos ajuda financeira. Algumas pessoas da família pagaram as despesas com o bolo, o aluguel das mesas, os esmaltes (lembrancinhas), os dindins, parte do material da decoração (tnt e tule), enfim... Deram uma grande folga para o nosso bolso.

Incluindo todas as despesas (as que saíram do nosso bolso e as que foram doadas), o gasto total ficou em torno de R$ 550 (uma festa simples para 50 convidadas). Na soma do que ganhamos durante a festa, calculamos cerca de R$ 1.000 em fraldas descartáveis. Ou seja, quase o dobro dos gastos. Valeu muito a pena!


Chá de Bebê

Além desse registro lindo nas fotos, vou guardar no coração a consideração e o carinho das convidadas por mim, meu marido e minha Bia, que já é tão amada. Sou grata a Deus pela minha família, meus amigos e pela sua mão, que está sempre estendida para nos abençoar. =)

Espero que minha experiência possa ajudar as mamães no preparo de suas festinhas também. Lembrem-se: Tudo na ponta do lápis. ;)

-------------

Veja também o Chá de Revelação aqui.

Image and video hosting by TinyPic

6 comentários:

  1. Li que lindo que ficou, eu sou super adepta do faça você mesma também, compensa muito e fica tudo com nossa cara, parabéns pela festa um grande beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg!! Compensa mesmo! Eu não sou muito fã daquelas decorações de festa que ficam sempre iguais umas às outras. Gosto de buscar inspirações na internet e depois criar algo que realmente pareça comigo. Beijos, lindona!

      Excluir
  2. Li, arrasou em tudo. Parabéns querida! Curta bem muito essa fase pq passa rápido e a gente sente saudades depois.
    Vi que vc comentou sobre a música do PG, ela é linda mesmo, canto para minha Ayanna desde a gravidez. Dediquei a ela, pois tem tudo a ver com o significado do nome dela. Ayanna significa linda flor, é de origem africana. Vi esse nome num livro evangélico que li, a estória é linda demais, "Vidas Cruzadas (da CPAD) e me apaixonei de cara pelo nome.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg, Monick! Quero curtir cada segundo da gravidez sim e da minha baby tbm, quando ela chegar. O nome da sua filha é lindo e tem um significado muito meigo. Que Deus abençoe sua família, querida! Bjs

      Excluir

O que você acha? Comente.

Zarpo Viagens

Festival da Noiva

Web Buffet

Siga por e-mail

Blogirls

Casamento de blogs de casamento

Arquivo do blog